Anonymous said:
❝ O que tem que fazer pra entrar na Alfa Eta Mu? ❞

Se eu te contasse teria que te matar.

image

posted 4 days ago
  #ask
Anonymous said:
❝ O que acha de as bruxas terem finalmente mostrado que existem? ❞

Eu acho ótimo. Fica muito mais fácil de saber quem matar.

image

posted 4 days ago with 1 note
  #ask
Anonymous said:
❝ Mas já pegou uma bruxa "sem querer"? ❞

Nunca.

image

posted 4 days ago
  #ask
Anonymous said:
❝ Tem o costume de ficar bÊbado? ❞

Não muito.

image

posted 4 days ago
  #ask
Anonymous said:
❝ Vamos brincar de médico? -v- ❞

Claro, só falar quem é.

image

posted 4 days ago
  #ask
Anonymous said:
❝ Mas nem se ela fosse muito linda? ❞

Nenhuma bruxa é muito linda.

image

posted 4 days ago
  #ask
Anonymous said:
❝ Pegaria uma bruxa? ❞

Nunca.

image

posted 4 days ago
  #ask
Anonymous said:
❝ Quer tirar o óculos e a roupa na minha cama não? ❞

Depende de quem é você.

image

posted 4 days ago
  #ask

Ask game »

posted 4 days ago
  #ask

theonlycoven-rpg:

ALEXANDER “ALEX” VEIDT  tem 23 anos e pertence a fraternidade universitária Alfa Eta Mu. Ele cursa Medicina na Gainesville University e luta boxe desde muito novo. Alex é um caçador de bruxas. (Max Irons)

     ▼ BIOGRAFY

Alexander Veidt viveu toda a vida em meio às lendas de terror que circundam a cidade de Gainesville. Tudo começou com o avô materno, que contava boas histórias sobre os ancestrais de sua família que haviam participado da caça às bruxas de Salem no século XVII e o quanto elas mereciam queimar na fogueira. Dizia que Alexander tinha o sangue de caçador de bruxas nas veias e, mesmo que não o fosse, teria um futuro tão brilhante como o de um. Foi o avô de Alex que o influenciou a começar a lutar boxe, um esporte que lhe exigia muita força e concentração. Seus técnicos diziam que Alex tinha ossos pesados e que os músculos daquele exercício viriam com o tempo.

Quando tinha dezoito anos já era um lutador de boxe que viajava pelos Estados Unidos participando de competições estaduais, um verdadeiro sucesso para o município de Gainesville, uma celebridade até mesmo. Seu pai o seguia nas viagens que fazia e o apoiava quase tanto quanto o avô materno. Sua mãe ficava em casa devido ao medo que tinha de aviões e ligava para o filho sempre que havia uma luta para desejar-lhe toda a sorte do mundo. Mas não foi sorte o que Alex teve naqueles anos finais com as lutas e viagens.

Pouco antes de uma das lutas mais importantes de sua vida, Alexander saiu à procura de seu pai pelo hotel em que estavam e apenas teve tempo de ver seu pai na cama com outra mulher senão sua mãe. Estavam ambos se divertindo tanto que sequer notaram a presença do rapaz olhando pela brecha da porta aberta. Ficou calado e foi para seu quarto, completamente furioso pelo que havia visto e ansioso pela luta que viria. Estava tão cheio de ódio que exagerou no boxe e jogou seu oponente no chão, não conseguindo parar de desferir os golpes, mesmo que tivessem lhe dito para que parasse. Acertou alguns que tentaram segurá-lo e nocauteou seu patrocinador naquela noite terrível. Alex havia se perdido na própria decepção.

Voltou para a cidade natal sem trocar palavras com o pai e procurou pela mulher que estava na cama com este. Ela era loira e tinha olhos bem verdes, talvez fosse tão nova quanto ele. Foi atrás da moça em uma cidade vizinha a sua e descobriu que está pertencia a pior estirpe que ele poderia imaginar: a das bruxas.

É difícil entender como Alexander teve estômago para olhar para a cara do pai até que seu plano estivesse concluído. Ele cria que a moça havia usado da magia negra para destruir sua família, uma ideia tão boba que lhe cresceu como um câncer. Reuniu algumas armas antigas de seu avô por parte de mãe e disse o que havia acontecido para ele. Saiu ao anoitecer e foi até a casa da bruxa, esta apta para a telecinese, sendo que lhe lançou facas e outros objetos antes de levar um tiro no meio da testa. Alex se feriu nas costas, uma cicatriz que o acompanha até hoje, mas sentiu que havia finalmente lavado a própria honra com sangue. Voltou para casa, mandou o pai embora e viveu apenas com mãe e suas novas irmãs, suas armas para a caça de bruxas. Ficou um ano fora de Gainesville, treinando para ser um bom caçador, e quando voltou foi terminar a faculdade de Medicina, sendo que pegaria seu diploma e finalmente se tornaria caçador. Contudo, logo que o solo de Gainesville perdeu suas propriedades de proteção ao sobrenatural, Alexander foi convocado para dar fim à vida sórdida das bruxas que fugiram de Salem para lá. Ele aceitou com muito orgulho do que estaria agora apto a fazer. Mesmo tendo matado apenas uma bruxa, ele sabia que era apenas uma questão de tempo para que tivesse histórias para contar para seus netos. 

     ▼ PERSONALITY

Alex aparenta ser um rapaz extremamente sério, mas sua personalidade é muito mais cativante do que se possa imaginar. Mesmo com um passado obscuro e um assassinato como história, seu único objetivo é o de trazer orgulho para seus descendentes caçadores e dar fim a raça nojenta que aprendeu serem as bruxas. Acredita que são todas traiçoeiras, dissimuladas e más. Sabe que seu pai apenas traiu a mãe por conta de algum feitiço e teme que outros venham a sofrer com isso.

Escolheu o caminho da Medicina mais por pressão da família do que tudo. Seus parentes não fazem questão que vire um caçador de bruxas, mas que apenas dê um rumo acadêmico para seu futuro. Alex entende a preocupação de todos e admite que gosta do curso que faz. Mas, ainda assim, seu sonho é seguir apenas como caçador. Com as bruxas finalmente dando as caras para a sociedade, ele mantém o título de caçador em segredo, como todos os outros. 

     ESTE PERSONAGEM ESTÁ INDISPONÍVEL.

mr pond